segurança digital

Segurança digital: Como você pode proteger os seus dados?

A internet trouxe muitas facilidades e atividades do dia a dia para a palma da nossa mão. Por exemplo, é incrível poder fazer transações bancárias sem sair de casa, não é mesmo? Porém, saiba que isso somente é positivo quando existem cuidados com a segurança digital.

Ao mesmo tempo em que a internet oferece benefícios, ela também acompanha perigos. Hackers e outros criminosos atuam constantemente em golpes que visam quem navega pelas páginas online. E existem brechas que podem facilitar seu trabalho.

Contudo, isso não é motivo para desespero! Assim como há perigos, também existem formas de afastar os riscos aos seus dados. Continue lendo, então, para ver como isso é possível e navegue tranquilamente pela internet.

segurança digital

Entenda a LGPD – Lei Geral de Proteção de Dados:  https://comparaplano.com.br/blog/lei-de-protecao-de-dados/

Segurança digital: Veja como proteger seus dados

Quando falamos em dados, estamos falando de todas aquelas informações sobre você e até mesmo sobre terceiros e sobre questões profissionais. Portanto, eles são bastante diversos e são captados de diversas formas.

Eles dizem respeito, por exemplo, aos dados financeiros, que você compartilha nos seus acessos ao internet banking, aplicativo de banco, PicPay e outros. Também, informações de endereços, obtidos por meio de aplicativos de deslocamento, mapas e permissões de GPS.

A segurança desses dados, então, é crucial. Todos eles podem oferecer perigo caso caiam em mãos erradas. Além disso, o seu direito à privacidade é essencial. Por tudo isso, é imprescindível saber algumas formas de manter a sua segurança e evitar dores de cabeça com eventuais vazamentos de dados.

Cuidado com mensagens não solicitadas

Primeiramente, tenha cuidado com mensagens que aparentam ser de bancos ou lojas e que pareçam ter conteúdo importante e pessoal. Muitas vezes hackers atuam de maneira a se fazer passar por instituições verdadeiras.

Assim, as mensagens costumam chamar-lhe pelo seu nome, conter alguma informação urgente ou com algum benefício e, também, um link. Não há problema em abrir a mensagem, cabe ressaltar. Porém, o link é que guarda o perigo.

Nesses casos, contate a instituição para conferir a idoneidade da mensagem. Com isso você garante sua segurança digital ao mesmo tempo em que auxilia a empresa a evitar que outros clientes sejam vítimas. Isso melhora os sistemas de proteção, no geral.

Atenção às senhas

Fazer uma senha forte nem sempre é fácil. Também, pode ser um processo chato, uma vez que você precisa pensar em combinações que você consiga memorizar sem que elas sejam muito óbvias.

Porém, isso é parte essencial da segurança digital. Portanto, sempre tome cuidado para fazer senhas que não tenham sequências numéricas diretas (1 – 2 – 3 – 4 – 5 – 6). Igualmente, busque usar números, símbolos e letras.

Ainda, por mais tentador que seja compartilhar a mesma senha em todos os seus dispositivos, não o faça. Busque ter uma senha diferente para cada dispositivo e conta, pois isso melhora sua proteção. Por fim, considere alterar suas senhas com certa frequência.

Segurança digital no acesso a computadores públicos

É muito importante que você tenha atenção com os acessos e suas atividades em computadores públicos. Ou seja, aqueles que não são particulares e que você usa com frequência ou não.

Por exemplo, o computador do local de trabalho ou de terceiros, bem como aqueles de uso mediante aluguel. Evite acessar internet banking e outros tipos de aplicativos delicados nesses locais. Caso precise fazê-lo, use uma aba anônima e, depois, lembre de deslogar e limpar os dados.

Isso deve ser feito em diversas ocasiões, não só nas financeiras. O seu e-mail, por exemplo, geralmente está relacionado com o seu banco de dados e armazenamento em nuvem e possui informações diversas.

Por isso, para sua segurança digital evite esses acessos e, caso sejam necessários, trate de apagar as informações ao final do uso.

segurança digital

Armazene arquivos em nuvem com senhas

Além de tudo isso, para aumentar a sua segurança digital você pode contar não apenas com as senhas do próprio programa de armazenamento. Também, busque agrupar informações dentro de arquivos com senhas próprias.

O armazenamento em nuvem é uma solução interessante, com baixo custo e com excelentes benefícios. 

Cuidado com os aplicativos que você instala

Por fim, tenha cuidado ao instalar aplicativos no seu celular para manter a segurança dele, igualmente. O Google atualiza frequentemente uma lista com apps que foram banidos de suas lojas digitais. Assim, procure conferi-la.

Além disso, caso você tenha no seu celular algum dos apps ali presentes, desinstale-o e faça uma varredura com um antivírus. Igualmente, busque sempre conhecer previamente o aplicativo que quer instalar.

Dentre os que mais apresentam vírus estão os de edição de fotos. Não por acaso, também são os que mais têm procura do público. Contudo, é preciso cuidar com os demais, inclusive com os de antivírus que podem oferecer o contrário.

Com essas dicas você promove a segurança digital e mantém todos os seus dados devidamente protegidos. Por isso, não deixe de colocá-las em prática e melhore ainda mais a sua experiência digital com muito mais tranquilidade.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *